Startup Weekend Women: seja a heroína que o mercado precisa

Mais mulheres no mercado de trabalho é o foco do evento que ocorre em outubro

Por Felipe Vinha - Em 28.09.2015


O Startup Weekend Women 2015 está chegando e com ele vem uma missão: aumentar a presença feminina no mercado de trabalho. Ainda que o Brasil tenha bons números em relação a esse assunto, a diferença de gênero ainda é enorme. Que tal ser a heroína que o mundo precisa? Durante 54 horas, o evento ocorre em cinco cidades brasileiras, entre 2 e 4 de outubro, e vai contar com importantes nomes na bancada de juízes, mentores e palestrantes.

Sou mulher e quero participar: como funciona?

Como o foco está no público feminino, você pode e deve participar se quiser agir para fazer a diferença nesse cenário. Para isso basta se inscrever no site oficial de cada evento e garantir sua participação.

O funcionamento de um Startup Weekend é bem simples: como o nome diz, ele ocorre ao longo de um final de semana. Isso dá a oportunidade também para quem quer participar, mas trabalha de segunda a sexta, por exemplo. A primeira etapa começa na sexta-feira, de noite, onde todas vão apresentar suas ideias e projetos, que serão selecionadas a dar continuidade.

Como empreender é resolver um problema, atender a uma demanda, no Startup Weekend você faz isso: cria a solução para algo que está falhando. Esse projeto pode ser social, de tecnologia, visar algum objetivo de nicho – varia bastante e pode ou não se tornar uma grande empresa no futuro, tudo depende do seu esforço e elaboração.

Ainda na sexta os grupos são formados, fase importante de um evento desse tipo, pois ele permite a participação de pessoas que ainda não possuem uma ideia, mas que estão ali para ajudar com seus conhecimentos: designers, área de programação, organização, conteúdo, entre outros talentos que sempre são úteis de alguma forma.

O fim de semana de decisão

Ao longo do sábado e domingo os projetos são elaborados, com a ajuda de mentores, para que sejam formatados ao fim do período e apresentados a uma comissão julgadora. Esses dois dias são, de longe, os mais gratificantes em um Startup Weekend. É nesse momento que conhecemos mais das ideias, das pessoas e de como podemos, realmente, caminhar para mudar o mundo.

O sábado, principalmente, é um dia fundamental, já que o domingo ainda é ocupado com a seleção final do projeto vencedor, que por sua vez se tornará uma startup já com algum apoio e auxílios. Durante todo o dia a troca de ideia entre participantes e mentores é de suma importância para quem está desenvolvendo a solução do problema.

Sou homem: também posso participar?

O público masculino é bem vindo no Startup Weekend Women. Porém, como o foco é nas mulheres, e nas oportunidades que o evento pode gerar ao público feminino, a participação dos homens é limitada a 25% do público total.

Se você é homem e quer se inscrever, também é possível, basta se cadastrar com o ingresso indicado e, se o número máximo do público masculino não estiver em seu total, sua participação será liberada. É possível contribuir durante o encontro de igual forma: criando ideias, participando de grupos e desenvolvendo o projeto. Ah, não há qualquer restrição de idade, e isso vale para ambos os sexos.

Como me inscrevo?

O Startup Weekend Women ocorre no Rio de Janeiro, São Paulo, Recife, Belém e Porto Alegre. Os links para se inscrever estão nos nomes das cidades. Lá você também encontra a programação completa e os nomes de quem vai estar na mentoria, banca de juízes e palestrantes na sua cidade. Participe e nos vemos lá!